Tour pela Vinícola Concha y Toro

Uma das coisas pelas quais o Chile é conhecido são os vinhos. Por isso os passeios às vinícolas são bastante procurados. Existem diversas regiões produtoras como Vale de Casablanca e Vale de Maipo, que podem ser exploradas com mais tempo. Porém, pra quem está em Santiago, a opção mais prática e turística é a tradicional Concha y Toro.

Portal de entrada da vinícola

Você pode chegar lá com passeios organizados por empresas turísticas, de carro ou de transporte público. Caso essa seja sua opção, pegue a linha azul do metrô e siga até a estação Plaza de Puente Alto (a viagem leva cerca de 1 hora – depois de sair da cidade o metrô vira um trem de superfície e você pode ir vendo a paisagem). Quando parar na estação suba e ao lado terá uma espécie de centro comercial onde você pode pegar um táxi que não deve custar mais do que $3.000,00 pois a vinícola está bem perto.

Existem dois tipos de tours, o tradicional ($12.000,00) e o Marques Casa de Concha ($22.000,00), ambos com desgustação de vinhos e o último também com queijos. Os tours acontecem todos os dias das 10 as 17:10h, e é bom agendar a visita pelo site pra garantir. Procure sair de Santiago com umas 2 horas de antecedência do horário agendado.

A bilheteria fica logo na entrada e é ali que você paga pela sua reserva, ganha pulseirinhas de identificação e é orientado a seguir adiante.

Pátio, a caminho da entrada
Dia bem nublado. Se puder ir em um dia de sol será bem mais bonito

O tour começa com um vídeo e depois segue pela propriedade, onde o guia vai contando um pouco da história da família.

O tour guiado inicia nesse portão
Corredor com cobertura natural
Antiga casa da família
Infelizmente o tour não permite conhecer o interior da casa
Jardins da propriedade

O passeio segue para o jardim de variedades, onde estão plantados alguns dos tipos de uvas usados na produção de vinhos (espere ver uvas somente se for nos meses de calor).

Os lotes são separados por variedades, aqui um lote de Carménère
Pinot Noir
Merlot – se você fizer a visita durante a época de colheita das uvas pode provar diferentes tipos
Visão geral

O primeiro vinho é servido na varanda e a partir disso você segue o passeio com a sua própria taça (que é brinde).

A visita à adega do Casillero del Diablo é considerada um dos pontos altos do passeio, mas quando fomos não pudemos ver a projeção de imagens que eles fazem, sugerindo que a lenda continua presente…

Entrada da adega
Barris estocados

Depois subimos para a degustação final de vinhos tintos e o tour termina.

Na saída (que dá no mesmo local de início do tour), há uma loja da marca, onde é possível comprar de vinhos a lembranças variadas.

Ali também há um Wine Bar, com ambiente bem gostoso e preço justo pelo local, onde você pode fazer uma refeição ou pedir um petisco pra acompanhar os vinhos da casa (que são servidos em taças). É uma boa opção pra experimentar rótulos que não são servidos no tour.

Wine Bar – dica: as mesas ficam com placas de “Reservado”, mas na verdade é reservado pra quem vai consumir, independente do valor. Eles deixam essa placa apenas pro pessoal que está aguardando pra fazer o tour não ocupar todos os lugares.

O passeio é uma ótima forma de ocupar metade de um dia durante sua estadia em Santiago!

 

2 comentários em “Tour pela Vinícola Concha y Toro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *